42,3% dos piauienses aprovam administração do Governo do Estado

0

A administração do Governo Estadual tem a aprovação de 42,3% dos piauienses, apurou o Instituto Piauiense de Opinião Pública (Amostragem) para o Sistema Integrado de Comunicação Meio Norte, em pesquisa realizada entre os dias 9 a 12 de maio.
O levantamento apontou que 24,98% dos piauienses não aprovam a administração do Governo Estadual e 32,72% dos entrevistados afirmaram que não sabiam ou não opinavam sobre a avaliação da gestão do Governo do Estado.
A pesquisa do Amostragem foi feita com 1.137 eleitores com 16 ou mais anos de idade residentes e com domicílio eleitoral nos 45 municípios pesquisados.
O presidente do Instituto Amostragem, João Batista Teles, disse que a pesquisa é feita de forma não aleatória por cotas de sexo, faixa-etária, grau de instrução, renda familiar, microrregião e municípios, com entrevistas domiciliares e individuais.
Foram pesquisados os seguintes municípios: Baixo Parnaíba Piauiense (Piripiri, Miguel Alves, Esperantina, Barras); Litoral Piauiense (Parnaíba, Cocal, São João da Fronteira); Teresina (Teresina, Demerval Lobão, José de Freitas); Campo Maior (São Miguel do Tapuio, Campo Maior, Assunção do Piauí, Pedro II); Médio Parnaíba Piauiense (Amarante, Arraial, Água Branca); Valença do Piauí (Aroazes, Inhuma, Valença do Piauí);
Alto Parnaíba Piauiense (Uruçuí); Bertolínia (Marcos Parente, Colônia do Gurgueia); Floriano
(Pavussú, Floriano); Alto Médio Gurgueia (Santa Luz, Bom Jesus); São Raimundo Nonato (São
Raimundo Nonato, Dom Inocêncio, Canto do Buriti, Guaribas); Chapadas do Extremo Sul Piauiense
(Parnaguá, Corrente); Picos (Geminiano, Ipiranga do Piauí, Oeiras, Picos); Pio IX (Pio IX); Alto Médio
Canindé (São João do Piauí, Paulistana, Nova Santa Rita, Jacobina do Piauí, Patos do Piauí, Jaicós,
Caldeirão Grande do Piauí).
Segundo João Batista Teles, o levantamento dos dados da pesquisa ocorreu no período de 9 a 12 de maio e foi feito por equipe formada por pesquisadores e supervisores treinados para este tipo de trabalho.
A margem de erro da pesquisa é de até 2,85% para mais ou para menos.
A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI), sob o protocolo Nº PI 00037/2014, no dia 08 de maio de 2014.
Para 38,08% administração do Governo Estadual é regular
A pesquisa do Instituto Amostragem para o Sistema Integrado de Comunicação Meio Norte revelou que 38,08% dos piauienses avaliam a administração do Governo Estadual como regular; 18,73% avaliam a administração do Governo Estadual como boa e 3,17% avaliam como ótima.
Para 5,98% dos piauienses a administração do Governo Estadual é ruim e para 5,8% é péssima.
Parte expressiva da população, 28,23%, afirmou não saber avaliar ou opinar sobre a administração do Governo Estadual.
Segundo 35.36% da população, administração do Governo Estadual será melhor até o final do mandato
A pesquisa Instituto Amostragem-Sistema Integrado de Comunicação Meio Norte mostra que para 35,36% dos piauienses têm a expectativa de que administração do Governo Estadual será melhor até o final do mandato em dezembro deste ano.
Para 32,37% dos piauienses acham a administração do Governo Estadual será igual até o final do mandato.
Já na opinião de 1,67% dos piauienses a administração do Governo Estadual será muito melhor. Segundo 7,74% dos piauienses a administração do Governo Estadual será pior e para 1,76% será muito pior até o final do mandato.
21,11% dos eleitores afirmaram não saber ou opinar sobre a expectativa em relação à administração do Governo Estadual até o final do mandato.
78,98% dos eleitores ainda não sabem sobre medida positiva tomada pelo governador José Filho
A pesquisa Instituto Amostragem – Sistema Integrado Meio Norte de Comunicação Social constatou que 78,89% dos piauienses ainda não sabem ou não quiseram opinar sobre a medida positiva tomada pelo governador José Filho (PMDB).
Para 2,81% dos piauienses a medida positiva tomada pelo governo de José Filho foi o incentivo à segurança pública; para 2,29% dos piauienses a medida positiva tomada por José Filho foi a melhoria no Iapep (Instituto de Assistência e Previdência do Estado do Piauí), 1,23% acham que as medidas positivas foi a melhoria na saúde e 7,37% foram outras.
A pesquisa revelou que 8,53% dos piauienses acham que nenhuma medida do governador José Filho foi positiva.
Fonte: Efrém Ribeiro / Portal Meio Norte
Imagem: Capital Teresina

Postar um comentário

0Comentários
Postar um comentário (0)

#buttons=(Aceitar) #days=(20)

Nosso site usa cookies para uma melhor experiência Leia mais
Accept !