Rodovia que liga Picos a Teresina deve ser duplicada


O Governo do Estado e as Prefeituras de Teresina, Parnaíba (345 km de Teresina) e Timon (MA) fecharam, nesta semana, parcerias para a execução de Plano de Mobilidade Urbana, para implantação de Trem Leve sobre Trilhos (TLT) no centro para a zona Sul teresinense, usando como via a avenida Miguel Rosa, a ligação do sistema de ônibus urbanos de Timon com o trem do Metrô de Teresina, que ganhará trens novos, construção de novas pontes sobre o rio Igaraçu, em Parnaíba, que vai ter formatado um sistema de ônibus urbanos, que não existe na cidade.

Rodovia que liga Picos a Teresina deverá ser duplicada – Foto: Reprodução
Na reunião, no Palácio do Karnak, com o governador Wellington Dias (PT) e o prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), o prefeito de Parnaíba, Florentino Neto, surpreendeu a todos a informar que sua cidade não possui sistema de ônibus urbanos, como existem na capital e em Picos.
Segundo ele, é preciso realizar uma licitação para a escolha de empresas de transporte coletivo urbano porque hoje os parnaibanos são transportados por vans e mototáxis. As vans só funcionam até às 19h todos os dias.
O governador Wellington Dias falou que se reuniu, em Brasília, com o ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, para discutir o financiamento da duplicação das rodovias BR-316, que liga Teresina a Picos, e BR-343, que liga a capital a Campo Maior, para evitar que os caminhões e carretas de cargas tenham que entrar nas avenidas e ruas de Teresina provocando longos congestionamentos.
Segundo ele, o ministro Antônio Carlos Rodrigues determinou que o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) elaborasse uma proposta para a duplicação das rodovias BR-316 e BR-343. “Nós iniciamos um entendimento para que o ônibus da recuperação e o alargamento das rodovias BR-316 e BR-343. O ministro já autorizou que o Dnit elaborasse uma proposta”, afirmou Wellington Dias.
Ele disse que existe um contrato assinado pelo Governo do Estado do Piauí assegurando que a duplicação das rodovias BR-343 e BR-316 seria sem ônibus para o Ministério dos Transportes e Dnit. Wellington Dias quer alterar o contrato para que as obras de duplicação das rodovias BR-316 e BR-343, que custarão R$ 100 milhões, sejam com ônus para o Ministério dos Transportes e Dnit.
“Vamos usar os recursos do empréstimo feito pelo Governo do Estado para fazer a duplicação das duas avenidas serão usados para outras necessidades. Eu nunca entendi que um Estado que enfrenta tantas dificuldades financeiras, como o Piauí, tomou empréstimo para obra federal. A obra federal vai ser feita com recursos federais e vai ter apoio da presidente Dilma Rousseff”, afirmou Wellington Dias.
Fonte: Meio Norte
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: