Adolescentes confessam ter assassinado idoso no município de São Julião



O brutal assassinato do aposentado Antonio Bento de Sousa, popularmente conhecido como Neném do Bento, ocorrido noite do último sábado (09) na cidade de São Julião foi rapidamente solucionado por policiais da 4ª CIA de Polícia de Fronteiras.

Quatro adolescentes com idades entre 12 e 17 anos confessaram ter assassinado o idoso com pedradas na cabeça e golpes de faca. O grupo composto por duas meninas e dois rapazes tinha a intenção de subtrair os pertences da vítima, que foi atraído até o local pelas duas garotas.

O crime chocou a população da pequena cidade pelo requinte de crueldade como foi cometido. Os jovens admitiram que desferiram vários golpes de pedra na cabeça de Neném do Bento até constatarem que o mesmo havia falecido. Com um dos adolescentes foi encontrado o celular da vítima.

Os menores foram recolhidos a sede da 4ª CIA de Polícia de Fronteiras e aguardam o encaminhamento judicial que os encaminhará para Casa de Detenção onde poderão ficar detidos por um prazo de até três anos.

O corpo de Neném do Bento havia sido levado ao IML na capital e chegou ao município de São Julião por volta do meio-dia desta segunda (11), foi velado em sua residência e sepultado no final da tarde sob clima de forte comoção.


Aglomeração em frente a delegacia de polícia de São Julião – Foto: Jeremias Carvalho

Fonte: Blog Fronteiras Online / Publicada por Jakson Sousa
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: