Sexta, 22 de junho de 2018
89 99402-6942
Entretenimento

07/02/2018 ás 13h22

Redacao

Vila Nova do Piauí / PI

SAMU atende agressão no Corso; Segurança registra 16 ocorrências
Tradicional prévia carnavalesca reuniu 400 mil pessoas este ano. Desfile contou com 30 caminhões e, pela primeira vez, paredões de som.
SAMU atende agressão no Corso; Segurança registra 16 ocorrências
Corso de Teresina 2018 teve 46 atendimentos e 16 ocorrências (Foto: Andrê Nascimento / G1 PI)

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) atendeu uma vítima de agressão por arma branca no Corso de Teresina, no sábado (3). No total, o stand do SAMU realizou 46 atendimentos. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), foram registradas 16 ocorrências no decorrer da prévia carnavalesca.


 


No Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) montado pela SSP no local foram registrados 13 boletins de ocorrência por furto, 1 por roubo, 1 por documento perdido e 1 por som alto. “Não tivemos conhecimento dessa ocorrência de agressão por arma branca”, informou o capitão Audivan Nunes, coordenador do CICC, ao G1.


O coordenador do CICC afirmou que cinco armas brancas foram apreendidas e três simulacros de arma de fogo. “Essas apreensões foram feitas nos pontos de contenção montados pela Polícia Militar. Durante as revistas esses objetos foram encontrados e recolhidos pelos policiais”, disse o capitão Audivan Nunes.


Segundo a Fundação Municipal de Saúde (FMS), dos 46 atendimentos realizados no corso, apenas três pessoas precisaram ser removidas para hospitais de referência. Uma delas por suspeita de infarto, uma vítima de agressão por arma branca e dois por lesões com objeto cortante.


Os demais atendimentos clínicos foram todos relacionados ao uso abusivo de álcool e droga, que foram solucionados no próprio stand do SAMU.


400 mil de pessoas participaram da festa


De acordo com o CICC, 400 mil pessoas participaram do Corso de Teresina. Este ano, os foliões aproveitaram a festa para fazer críticas políticas com muita animação e fantasias criativas. O desfile teve um número menor de caminhões, apenas 30, mas a festa não foi menos animada, com a participação de paredões de som pela primeira vez.


Dentre os destaques da avenida, houve referência à corrupção, crise política no país e ainda um fusca decorado com críticas a Donald Trump e Kim Jung-un. Nas fantasias, personagens como super heróis, dinossauros, fadas, princesas, palhaços, personagens de videogames, noivos, policiais e até o Papa marcaram a festa carnavalesca.

FONTE: G1

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados :: Portal Vila Nova Noticias