Secretário Estadual de Cultura, Fábio Novo, visita Ponto de Cultura “Cidade Poesia” em Vila Nova do PI

Secretário Estadual de Cultura, Fábio Novo, visita Ponto de Cultura “Cidade Poesia” em Vila Nova do PI

O Secretário Estadual de Cultura, Fábio Novo, esteve na cidade de Vila Nova do Piauí, na manhã desta quinta-feira (26) conhecendo o Ponto de Cultura “Cidade Poesia”, que é administrado pela secretária Municipal de Cultura Marli Veloso, com o apoio da Prefeitura Municipal e que atende centenas de crianças e adolescentes que participam de oficinas de dança, teatro, karatê, capoeira, aeróbica e outras.
O Ponto de Cultura Cidade Poesia, tem difundido a cultura e tem sido espaço de encontro dos mais diversos movimentos. O espaço é uma entidade proponente da rede Pontos de Cultura do Estado do Piauí.
Na ocasião da visita, a equipe gestora do Espaço Cultural, coordenada pela secretária Marli Veloso, preparou um evento que reuniu autoridades como o prefeito Edilson Edmundo de Brito, a primeira dama e secretária de Assistência Social, Ana Carolina, o vice-prefeito Antônio Tiago, a segunda dama Kátia Leila, os vereadores Flávio Sousa, Adelino Oliveira, Adonelys Araújo, os secretários municipais, Erivan Brito (Governo), Almerinda Luz (Saúde), Luiz Gonzaga (Agricultura), Edinete Brito (Educação), além de representantes da sociedade civil, como a professora Luzia (Representou o Povoado São João), o artista plástico Apolônio Leal (Representou os artistas vilanovenses), Jhônatas Araújo (Representou o CMDCA), Irismar (Sociedade Amigos da Biblioteca Patativa do Assaré), Taynara Oliveira (Associação de Jovens e Adolescentes em Ação) e a população em geral.
Uma série de apresentações coreográficas do grupo AJA, uma roda de capoeira com o grupo Ginga Nova e ainda o depoimento e a poesia da poetiza Marcilene Luz que é fruto das políticas públicas vilanovenses, marcaram a recepção ao secretário de Cultura do Estado.
Em sua fala na ocasião do evento, o secretário Fábio Novo, ressaltou o esforço da SECULT no sentido de angariar a liberação das verbas para os Pontos de Cultura e anunciou que o município de Vila Nova do Piauí, já recebeu a 2ª parcela no valor de R$ 60.000.
“O Programa Cultura Viva é o responsável pela Rede de Pontos de Cultura do Piauí conveniada com o Ministério da Cultura (MinC). O convênio Nº 363/2007 foi assinado em 2007 e contemplou os 80 Pontos de Cultura, com três parcelas de R$ 60 mil para cada ponto, onde o município de Vila Nova do Piauí fez a adesão e se tornou apto a concorrer. A primeira parcela foi paga em 2008 a todos os 80 Pontos de Cultura, com um valor total de R$ 4,8 milhões. Em 2013, a segunda parcela foi paga apenas a 37 Pontos de Cultura com um valor total de R$ 2.220.000,00. Recentemente através de esforços da SECULT, O ponto de cultura Cidade Poesia, aqui de Vila       Nova é um dos 43 Pontos de Cultura que foram contemplados com a segunda parcela, o que fortalece o trabalho maravilhoso que o município já vem desenvolvendo”, disse.
Ainda segundo Fábio Novo, criada em 2015, a Secretaria de Cultura do Estado tem buscado garantir a ampliação do acesso da população aos meios de produção, circulação e fruição cultural através da gestão do governador Wellington Dias e em parceria com Ministério da Cultura, para assim a cultura chegar aos municípios piauienses.
O deputado Estadual Licenciado fez elogios e parabenizou as ações culturais que o município desenvolve. “Quero dizer a todos que o que eu puder fazer para ajudar a cultura de Vila Nova do Piauí eu farei. Vocês têm aqui um parceiro; acredito muito que é na dificuldade que encontramos as soluções necessárias. Somos hoje a secretaria de Estado com menor orçamento do governo, somos a mais nova, mas somos a secretaria mais bem avaliada, temos investido com foco não fizemos nada de novo na cultura, mas tivemos foco assim como o município de Vila Nova tem investindo nas pessoas, no ser humano e foi isso que aconteceu quando fomos buscar as verbas do governo federal para os Pontos de Cultura que desde 2008 não eram liberados e  que hoje  o Ponto de Cultura Cidade Poesia já dispõe dos recursos para desenvolver as atividades; me enche de orgulho ver o que está acontecendo em Vila Nova; o momento é de dificuldades mas vamos todos dar as mãos juntos, Prefeitura, Ponto de Cultura e assim obtivemos os resultados. Finalizo dizendo que problemas a gente não foge dele a gente enfrenta a gente luta e é isso que estamos fazendo. Construir um país justo e igualitário se faz com acesso à cultura. Estou muito feliz e  saio aqui de Vila Nova energizado”, finalizou.
Marli Veloso, secretária municipal de cultura, também fez um longo pronunciamento durante o evento. Em sua fala a gestora destacou que mesmo sem recursos advindos pela rede de pontos de cultura.  O Ponto de Cultura Cidade Poesia, nunca parou suas atividades. “É aqui que as pessoas se encontram para dançar, para brincar, para fazer capoeira, karatê, é aqui que acontecem as reuniões da gestão, o ponto é muito concorrido e se tornou um espaço de formação, um espaço de encontro e de identidade cultural dos vilanovenses”.
Marli ainda destacou o empenho dos três gestores que passaram pela administração do município que investiram  na cultura e entenderam- a como ferramenta de desenvolvimento social. Fez agradecimentos ao atual prefeito Edilson Brito pelo apoio e entendimento da importância da difusão da Cultura. “Não é fácil para um município pobre do semiárido, com poucos habitantes que não tem nem água para beber se manter com ações culturais como as que fazemos aqui em Vila Nova”.
A secretária ainda salientou o desenvolvimento e a valorização que o município  oferece desde a concepção a vida até o idoso, destacando que a cidade poesia possui taxa zero de mortalidade infantil, e pontuou que Vila Nova é detentora de três selo Unicef, devido a política Cultural, Educacional e de Saúde que é feita na cidade. “Muitas vezes as ações são despercebidas aos nossos olhos, mas é preciso entender a dimensão e a importância do quanto já se foi investido na cultura.  Me alegro em ver a poetisa Marcilene luz que diz em seu discurso que se formou aqui, o que aprendeu é fruto dos espaços culturais que sempre oferecemos, isso que é importante valorizar a vida valorizar o ser humano”.
Por fim, Marli avaliou a visita como positiva. “É valioso para nós recebermos o secretário Estadual de Cultura, que ao longo dos anos tem sido um parceiro fundamental para as políticas públicas que implementamos em Vila Nova. A visita técnica aliada ao compromisso político com a cultura são essenciais para que possamos fortalecer a nossa luta diária pelo acesso e democratização da cultura em nosso estado.”
O prefeito Edilson Brito pediu em sua fala que o secretário estadual visse Vila Nova com bons olhos e investisse na cultura local. “Temos feito o possível e o impossível para manter as atividades funcionando, mas dependemos das parcerias e é isso que queremos.  Essa visita é um elo que com certeza fortalecerá nossas ações que já vem acontecendo. Agradecemos ao apoio do Governo do Estado por incentivar aos que produzem cultura com foco no desenvolvimento, articulação e fortalecimento da Política Nacional de Cultura Viva no Estado do Piauí, com o propósito de promover ações de formação, assistência e intercâmbio; participação social e mobilização em rede”, completou.
O vice-prefeito Antônio Tiago, destacou no seu discurso que a visita do secretário é importante. “Sua presença aqui em Vila Nova, vindo em nossa casa conhecer de perto nossas atividades culturais muito nos honra. E nos motiva a buscar mais”, disse.
Também acompanham a visita do secretário ao município, o Coordenador Estadual do Programa “Cultura Viva”, no estado, Roberto Sabóia e assessores do deputado. Se fizeram presentes ainda a assistente social, Cleide Leal, além de alunos das oficinas, professores e pais de alunos.
Veja mais fotos:
FONTE E FOTOS: ASCOM PMVN
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: