Dos 10 deputados do PI, apenas Assis votou contra a reforma

A Reforma trabalhista, proposta pelo governo federal, foi aprovada na madrugada desta quinta-feira (27) na Câmara dos Deputados e dos dez parlamentares federais piauienses, apenas o deputado Assis Carvalho (PT) votou contra.
Foram 296 votos contra e 177 a favor para a aprovação do texto-base da reforma (PL 6787/16) proposta pelo governo Michel Temer. Agora o projeto segue para o Senado. Apenas uma das 17 sugestões de alterações propostas foi aprovada. As demais foram rejeitadas ou descartadas. 
O deputado Assis postou em seu facebook um texto lamentando a aprovação em que diz que a “Câmara matou a Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) e que foi “o maior ataque aos direitos das trabalhadores e trabalhadoras dos últimos tempos”.
Os deputados do PSB, Átila Lira, Heráclito Fortes e Rodrigo Martins, votaram contra a orientação do partido, que nesta semana fechou questão de serem contra a aprovação das reformas.


Fonte: Cidade Ver/Lyza Freitas
redacao@cidadeverde.com
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: