Stefhany Absoluta apresenta sua 1ª filha, Débora Ester

Um anjinho. É assim que Stefhany Absoluta, a mais nova mamãe do pedaço descreve a filha Débora Ester, que nasceu na quinta-feira, 27. A cantora gospel de 25 anos, e o marido, o empresário Roberto Cardoso, de 51, não param de babar pela bebê que segundo ela, não chora para nada



"Na maternidade, me perguntaram assim: 'O que sua filha tem? Ela não chora para nada! Não chorou quando tiramos sangue para fazer os exames, não chorou quando recebeu as vacinas. É um anjinho", conta Stefhany acrescentando ainda que a filhota só reclama na hora de mamar, e que continua mamando nos mesmos horários em que ela sentia fome quando estava grávida.

"Quatro horas da manhã é certo. Ela sempre acorda para mamar e, quando estava na barriga mexia muito", conta ela, que se submeteu a uma cesárea em um hospital em Teresina, no Piauí, teve alta no domingo, 30, mas só chegou em casa - que fica em Valença no interior do estado na segunda, 1º.

'Ele é um paizão'

A rotina da casa também é outra. Por lá, todo mundo só quer saber de ficar no quarto de Débora Ester. "As pessoas chegam para visitar e já vão direto para o quarto dela, querem conhecê-la. Saber com quem parece", diz Stefhany que, neste critério, acha a filhota mais parecida com o pai.

"Ela é bem misturada. Mas acho que parece mais com o pai. Tem olho claro, olho azul", conta ela que é só elogios para o marido no quesito paizão. Segundo Stefhany, Roberto não sai de perto da filha e acorda de madrugada quando a filha chora. "Ele é um paizão. Não dorme, fica com ela direto, acorda de noite quando ela chora. É um paizão mesmo", elogia.

E na hora de se descrever como mãe, a cantora gospel diz que a ficha ainda está caindo. Mas que está apaixonada pela filha.

"É algo sobrenatural. Não sei te dizer.Quando ouvi o chorinho dela na sala de parto, fiquei paralisada. Foi tanta coisa junta. Não dá para descrever. Só sei que estou apaixonada pela minha filha".

Susto na hora do parto

Stefhany contou também que, tal qual no início da gravidez em que viveu momentos de tensão porque teve que fazer repouso absoluto, passou por um susto ao saber que teria que se submeter a uma cesariana.

"Estava sentindo umas cólicas já há uma semana. Na quinta-feira, 27, fui ao médico para uma consulta de rotina, para ver se estava tudo bem. Chegando lá, fizemos uma ultrassonografia e vimos que tinha um problema no cordão umbilical. O médico disse que poderíamos esperar e não acontecer nada, mas que também poderia acontecer. Eu e meu marido saímos da consulta, entramos no nosso carro e começamos a orar ali mesmo. Na hora veio na minha cabeça uma voz dizendo que não se deixa para amanhã o que se pode fazer hoje", contou a cantora, que estava grávida de 39 semanas e sonhava com um parto natural e humanizado.


Fonte: Ego
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: