São Julião de luto: morre o professor José Abílio Cavalcante

A morte de José Abílio está sendo investigada pela polícia, mas a principal suspeita é que ele tenha cometido suicídio por enforcamento.

Professor José Abílio, Foto: Facebook

Foi encontrado morto na madrugada desta quarta-feira, 09 de novembro, em sua residência no bairro Vila São Jorge, em São Julião – PI, o professor José Abílio Cavalcante, 52 anos.
O corpo do professor foi encontrado pela sua esposa, na varanda de residência. Segundo ela informou à redação do Piauí em Foco, todo dia ele tinha o costume de levantar cedo para ver os primeiros jornais da TV antes de ir trabalhar.
A morte de José Abílio está sendo investigada pela polícia, mas a principal suspeita é que ele tenha cometido suicídio por enforcamento.
Vida pública
José Abílio Cavalcante era formado em História e Agronomia e trabalhava como professor efetivo da rede municipal de ensino há vários anos nas cidades de São Julião e Vila Nova do Piauí. Também era professor de História efetivo lotado em São Julião na Rede estadual de Ensino. Além do trabalho de professor, ele exercia também o cargo municipal de coordenador do programa federal, Bolsa Família em São Julião – PI.
Morte do professor José Abílio choca população de São Julião
A morte do professor José Abílio Cavalcante comoveu a população de São Julião. Ele era muito querido por todos. Sua residência no bairro Vila São Jorge não para de receber visitas. Nas redes sociais uma enxurrada de comentários lamentando o ocorrido.
A família informou que o seu corpo será velado em sua residência no bairro Vila São Jorge e o sepultamento deve acontecer na quinta-feira, 10 de novembro.
Prefeito decreta três dias de luto
O Prefeito de São Julião – PI José Francisco de Sousa, o Zé Neci (PT) decretou hoje pela manhã três dias de luto em virtude da morte do professor José Abílio de Cavalcante. Segundo José Neci, José Abílio era pessoa querida por todos e prestava relevantes serviços na área da educação e mais ainda junto aos mais carente s do município através do Programa Bolsa Família.

Fonte: Jeremias Carvalho/Piaui em Foco
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: