Como consultar o resultado do Enem 2015?


A única maneira de consultar o resultado individual do Enem 2015 é por meio da internet, no site do Inep, disponível no endereço http://enem.inep.gov.br/. No acesso, o candidato deve informar o número de inscrição e a senha. Quem não se lembrar da senha poderá recuperá-la clicando em “Esqueci minha senha”, num link disponível na própria página. As notas estarão separadas por área de conhecimento (Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Matemática e Linguagens) e redação.
Como é calculada a nota do Enem 2015?
Diferente dos tradicionais vestibulares, as notas do Enem 2015 são calculadas com base na Teoria de Resposta ao Item (TRI), que não analisa apenas o número de acertos do participante, mas também avalia a qualidade das respostas, tentando desvalorizar os chutes.
A Teoria fica mais fácil de ser compreendida se compararmos dois estudantes com o mesmo número de acertos. Suponhamos que o primeiro deles acerte mais perguntas difíceis e médias, errando as consideradas mais fáceis. Por outro lado, o segundo candidato acerta em maior número as mais fáceis, seguido das médias e das difíceis. Daí, com base na TRI, é certo que o segundo terá uma nota maior do que a do primeiro, visto que a chance desse segundo ter chutado menos questões é bem grande.
A redação do Enem 2015 é avaliada de 0 a 1000 pontos. Na correção, é levado em conta o desempenho do candidato em cinco competências diferentes, sendo que cada uma delas vale 200 pontos.
As competências são: Domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa; Compreensão da proposta de redação e aplicação dos conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema; Seleção, relacionamento, organização e interpretação das informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista; Demonstração do conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação; e Elaboração da proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.
As notas do Enem 2015 poderão ser utilizadas nos processos seletivos do Sisu, ProUni, Sisutec, Fies e Ciência sem Fronteiras.

Fonte : enem2015.net.br
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: