Adolescente Vilanovense mostra talento com Poesia!

05 junho

Por ocasião da realização do II Fórum Comunitário do Selo Unicef edição 2009/2012 do dia 31/05 em Vila Nova do Piauí, a Adolescente: MARCILENE LUZ de 14 anos, estudante do 9º Ano do Ensino Fundamental da Escola Municipal Sabino Gomes de Lima, além de representar as Crianças e Adolescentes na Mesa Diretiva dos Trabalhos do Fórum ao lado do Presidente do CMDCA: Francineuzo França, do Prefeito Zé Navez e da Mediadora do Unicef Drª. Ana Cleide. Marcilene Luz mostrou capacidade intelectual recitando uma POESIA intitulada: VILA NOVA E SEUS PROJETOS.

"A Poesia encantou todas as pessoas presentes pelo seu conteúdo, descrevendo as principais ações e atividades desenvolvidas em favor das Crianças e Adolescentes Vilanovenses, em viturde da concorência do Selo Unicef 2009/2012. A Marcilene Luz é excepcional! Ela é fantástica!". - Avalia o Profº. Totonho.

A Reportagem do JVN fez uma pesquisa e constatou: NOTA 10, Eis então a Poesia na íntegra:

VILA NOVA E SEUS PROJETOS

Vila Nova ainda é uma criança
Mas tem muito o que mostrar
Com atividades e projetos
Querendo sempre inovar
Por ser pequena e nova
Já tem bastante o que falar.

Com profissionais capacitados
Que sabem trabalhar
Ralando noite e dia
Para direito administrar
Com certeza aqui tem tudo
Não tem do que reclamar.

Vila Nova é nossa terra
Tem cultura e devoção
Com missas nas igrejas
Crisma, batizados, comunhão
Culto festas cristãs,
Pra deixar no coração.

A Saúde se destaca
Por ser trabalhada tão bem
Ambulância, vacinas, médicos,
Enfermeiros tudo tem
É tanta coisa que nos ajuda
Que temos que dar amém.

Eu não posso deixar de falar
Sobre a educação
Aqui desde a creche
É ensinado a ser um bom cidadão
São elaboradas palestras
Para nossa informação.

Debatemos sobre drogas,
Bulling, preconceito,
Problemas ambientais,
Nossos deveres e direitos
Desde pequeno somos ensinados
A sempre ter respeito.

A Biblioteca é um grande espaço
Quem entra não quer mais sair
São diversos livros e autores
Cordéis para se divertir
É livro pra tudo quanto é lado
Livros pra criançada sorrir.
Tem também o Cine Cultura
Que não poderia faltar
Lá ensaiamos as aulas de teatro
Que nos ajuda a se expressar
Diante das pessoas
E em qualquer lugar.

As crianças dão um show
Na capoeira e no xaxado
Nas aulas de violão
No rip rop e no reisado
A cultura popular está em tudo
Ajudando todos no rebolado.

No aniversário da biblioteca
Todos nós comemoramos
Assistimos grandes apresentações
Como os repentistas tocando
Jairo e Jefferson são as estrelas
Com os versos que vão soltando.

Fruto do Peti e Projovem
Os alunos recebem uma quantia
Para os futuros jogadores
No pólo esportivo treinam todo dia
Visando um futuro bom
Com muitos gools e alegria.

Mas não é só o futebol
Que esse programa faz
Realiza atividades
Reciclando os materiais
Para o ambiente ficar saudável
Sem problema jamais.

Com o grupo de teatro
Fomos até  Floriano
Querendo ganhar um prêmio
Sempre sorrindo e sonhando
Em fazer uma peça bem bonita
Por que Vila Nova estávamos representando.

No Congresso de Cultura
Só temos o que aproveitar
São diversas as atrações
Que os olhos não querem piscar
Homenageamos os poetas
E até atores de filmes vem pra cá.


Tem o Centro Integrado Infantil
Que as crianças vem brincar
Também vem aprender a ler
Pra na escola melhorar
Pois aqui desde pequeno
As Crianças querem estudar.

Por aqui vou terminando
Essa poesia que não tem fim
Pois escrevi um pouco do muito
Que existe por aqui
Pois o que essa cidade oferece
E muito  importante pra mim.



Autora: Marcilene Maria da Luz Tomaz, 14 anos           
Aluna do 9° ano - Unidade Escolar Sabino Gomes de Lima
CURTA ESSA MATÉRIA PELO FACEBOOK: